Subversa

ACROBATA | Milton Rezende


um pessegueiro roxo

braços em formas de garras

dedos intumescidos

pernas retesadas.

 

quando estamos dormindo

tudo parece fácil:

pé fora da cama

e acrobacia de quedas.


Milton Rezende |  Varginha, Brasil

Sobre o Autor

1 Comentário

  1. Maria José Rezende Campos 16 de fevereiro de 2019 em 23:19

    Lindo poema! Parabéns!!!!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367